Proposta de Gastão Vieira de programa de mestrado profissional é acatada pelo MEC

Ministério da Educação (MEC) anunciou, ontem (8), o programa “Novos Caminhos”, que pretende criar 1,5 milhão de matrículas na educação profissional. O anúncio foi feito pelo ministro Abraham Weintraub. As novas matrículas vão proporcionar um aumento de 1,9 milhão para 3,4 milhões, até 2023 – representando um crescimento de 80%.

O deputado Gastão Vieira (PROS – MA) esteve com o presidente da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), Anderson Correia, no mês passado. Na ocasião, o parlamentar sugeriu a inserção de um programa de mestrado profissional (MBA) na instituição.

Gastão Vieira já havia feito essa sugestão anteriormente durante uma audiência pública que contou com a presença do presidente do Capes, na Comissão de Educação na Câmara dos Deputados.

O deputado comemorou o anúncio do MEC nas redes sociais: “Assunto definido: o ministro Abraham Weintraub acatou a sugestão que fiz para a criação do mestrado profissional na Capes e hoje anunciou que abrirá 2 mil vagas”, escreveu. “É o MBA, tão valorizado no setor privado, chegando à educação pública”, frisou o maranhense.

O deputado voltou a afirmar que o mestrado profissional “é um mercado que com certeza vai dar rapidamente mão de obra qualificada que o Brasil tanto precisa para o desenvolvimento do país”.

“NOVOS CAMINHOS”

Além da criação de 1,5 milhão de matrículas do mestrado profissional, o programa prevê reconhecimento de diplomas de pessoas que já concluíram a formação técnica desde 2016; o incremento no treinamento de 40 mil professores; e abertura de editais para projetos na área. Segundo o ministro, o MEC estima cerca de R$ 5 bilhões por ano para criação dessas vagas e garante que esses recursos já estão previstos no orçamento de 2020.

O MEC também vai abrir 100 mil vagas para qualificação de jovens e adultos, para isso, repactuará R$ 550 milhões originalmente destinados ao “Bolsa Formação”, criado durante a gestão da presidente Dilma Rousseff, em 2011, no âmbito do Pronatec (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego).

O novo programa do MEC traz elementos dessa iniciativa, prevendo, por exemplo, parcerias com o Sistema S.

(Com informações do Jornal Pequeno – MA)

WeCreativez WhatsApp Support
Nossa equipe está online para atender.Fale com o PROS via WhatsApp!
👋 Olá, como posso ajudar?